CompararComparando...

Abimci assume secretaria executiva da Comissão de Estudos para norma do wood frame

Lendo Agora
Abimci assume secretaria executiva da Comissão de Estudos para norma do wood frame

Grupo pretende trabalhar para ter o texto-base em até 12 meses

17/06/2016 – A Associação Brasileira das Normas Técnicas (ABNT) instalou oficialmente nesta terça-feira, 14, a Comissão de Estudos (CE) para desenvolver a norma técnica do sistema construtivo wood frame. O grupo indicou para a coordenação da Comissão de Estudos o vice-presidente do Sinduscon-PR e representante da Comissão Casa Inteligente da Fiep, Euclésio Finatti. A Associação Brasileira da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente (Abimci) assume a secretaria executiva da CE. Na ocasião também foi definida uma agenda de reuniões e formado o grupo que vai trabalhar na criação do texto da norma técnica. O grupo foi formado por 21 pessoas, que ficarão responsáveis por desenvolver o texto básico da norma.

Abimci Wood Frame

O evento foi realizado durante a reunião da Comissão da Casa Inteligente, na Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), em Curitiba (PR), com a participação de entidades ligadas ao setor da construção e madeira, além de representantes de universidades e empresas do setor.

Na avaliação do superintendente do Comitê Brasileiro da Construção Civil (ABNT/CB-002), Salvador Benevides, que foi responsável por apresentar como deverá ser o trabalho da Comissão de Estudos, o fato do setor ser bastante participativo é um ponto positivo. “A validação tripartite está muito consolidada com a participação de universidade, consultoria, academia, estudantes e empresários. Isso é muito importante, porque norma é um conjunto de conhecimento e experiências. É um assunto denso. Não é fácil falar sobre norma técnica”, afirmou.

Para o superintendente da Abimci, Paulo Roberto Pupo, a construção da norma permitirá que o sistema construtivo ganhe escala. Ele lembrou que a presença dos agentes financiadores em um grupo como esse é de extrema importância. “Precisamos ter linhas de financiamento que atendam o sistema construtivo. Vamos garantir ao país um novo modelo habitacional”, afirmou.

A partir de agora, o desafio será fazer com que esse trabalho seja feito o mais rápido possível. “Queremos desenvolver a norma em até 12 meses”, declarou o coordenador da Comissão de Estudos, Euclésio Finatti.

CeluloseOnline

albany 728
Qual é a sua impressão?
Amei
0%
Curti
0%
Não Gostei
0%
Sobre o Autor
Celulose Online
Celulose Online
Comentários
Deixe um Comentário

Deixe um Comentário