CompararComparando...

Bayer conclui a aquisição da Monsanto

Lendo Agora
Bayer conclui a aquisição da Monsanto

Na quinta-feira a Bayer completou de forma bem-sucedida a aquisição da Monsanto. As ações da empresa americana não serão mais negociadas na Bolsa de Valores de Nova Iorque, agora que a Bayer é a única proprietária da Monsanto.

Os acionistas da Monsanto receberão 128 dólares por cada ação. A J.P. Morgan auxiliou a Bayer a concluir o processo de pagamento desta que foi a maior aquisição da história da empresa.

De acordo com a aprovação condicional do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, a integração da Monsanto com a Bayer poderá acontecer assim que os desinvestimentos para a BASF estejam concluídos.

É esperado que o processo de integração comece em aproximadamente dois meses.

“Hoje é um ótimo dia: para os nossos clientes – agricultores ao redor do mundo, aos quais seremos capazes de ajudar a manter e aumentar cada vez mais suas colheitas; para nossos acionistas, pois essa transação tem o potencial de criar valor significativo; e para os consumidores e a sociedade como um todo, pois estaremos melhor posicionados para ajudar os agricultores de todo o mundo a cultivar alimentos mais saudáveis e acessíveis e de maneira sustentável. Como um motor líder em inovação na agricultura, nós oferecemos aos colaboradores mundialmente empregos atrativos e oportunidades de desenvolvimento,” disse Werner Baumann, Presidente do Conselho de Administração da Bayer.

“Nossas metas ligadas a sustentabilidade são tão importantes quanto nossas metas financeiras. Nosso objetivo é estar em linha com as responsabilidades que uma posição de liderança na agricultura implica e aprofundar o nosso diálogo com a sociedade.”

aquisição da Monsanto

Liam Condon

“O anúncio de hoje representa um importante marco rumo ao objetivo de criar uma empresa líder na agricultura, ajudando os agricultores em seus esforços de serem mais produtivos e sustentáveis, beneficiando nosso planeta e os consumidores,” disse Hugh Grant, atual Presidente e CEO da Monsanto.

“Estou orgulhoso do caminho que percorremos como Monsanto e estou ansioso para como a nova companhia poderá impulsionar a agricultura moderna.”

Liam Condon, membro do Conselho de Administração da Bayer, irá liderar a divisão Crop Science quando a integração começar. Até lá, a Monsanto e a Bayer continuam a operar de forma independente.

Da redação

Demuth Rodapé
Qual é a sua impressão?
Amei
0%
Curti
0%
Não Gostei
0%
Sobre o Autor
Celulose Online
Celulose Online

Deixe um Comentário