CompararComparando...

CENIBRA e SEBRAE inauguram NEJ em Belo Oriente

Lendo Agora
CENIBRA e SEBRAE inauguram NEJ em Belo Oriente

Na Escola Municipal Francisco Gonçalvez de Brito, em Belo Oriente, foi realizada a Aula Inaugural do curso técnico de Administração do Núcleo de Empreendedorismo Juvenil (NEJ).

Por meio de uma parceria do Instituto CENIBRA com o SEBRAE e Prefeitura Municipal de Belo Oriente foi implantado o NEJ no município, beneficiando 80 jovens.

Na ocasião, o Diretor-Presidente da CENIBRA, Naohiro Doi, falou aos presentes da importância do empreendedorismo juvenil como estratégia para diversificar a matriz de desenvolvimento regional.

A proposta é formar jovens desenvolvendo capacidades empreendedoras e conhecimentos de administração.

O curso Técnico em Administração para jovens de Belo Oriente (sede e Distritos), terá um ano de duração e totalmente gratuito.

Tanto o processo seletivo, quanto a condução do curso são de responsabilidade do UnilesteMG, via Colégio Padre de Man.

O Núcleo de Empreendedorismo Juvenil foi fundado pela SEBRAE em 2010 e já formou mais de 1200 alunos.

O curso, reconhecido pelo MEC, tem por finalidade o desenvolvimento de competências necessárias para o enfrentamento e superação dos desafios da juventude em suas diversas dimensões (profissional, pessoal, social e familiar), além de promover a formação do sujeito empreendedor, ético e consciente da sua responsabilidade social.

Todo o conteúdo do curso segue a metodologia de ensino da Escola do SEBRAE de Formação Gerencial (EFG), referência internacional em educação empreendedora para jovens.

Recentemente, a pesquisa GEM 2017, do SEBRAE/IBQP, revelou o novo perfil do empreendedor no País.

Ela aponta que em 2017 a participação de pessoas entre 18 e 34 anos no total de empreendedores em fase inicial cresceu de 50% para 57%.

Isso significa que são 15,7 milhões de jovens atrás de informações para abrir um negócio ou com uma empresa em atividade no período de até 3 anos e meio.

Outro dado interessante que a pesquisa mostra é que também aumentou o percentual de pessoas que buscam empreender por oportunidade, saltando de 57% para 59% dos entrevistados.

Segundo a Confederação Nacional dos Jovens Empresários (Conaje), a maioria dos jovens empreendedores brasileiros são homens: 71%.

Trinta e cinco por cento começam a empreender entre os 26 e 30 anos, enquanto 28% têm entre 31 e 35 anos e 18% têm de 21 a 25.

A pesquisa da Conaje aponta para um dado interessante: alguns empreendedores jovens têm micro e pequenas empresas que geram trabalho, empregando até nove funcionários.

“Investir estrategicamente na educação é potencializar o futuro no presente. O NEJ irá apresentar e capacitar os jovens para encontrar, aproveitar e construir plataformas de desenvolvimento capazes de mudar para melhor a comunidade em que vivem” conclui o Diretor-Presidente da CENIBRA.

Da redação

Qual é a sua impressão?
Amei
0%
Curti
0%
Não Gostei
0%
Sobre o Autor
Celulose Online
Celulose Online

Deixe um Comentário