CompararComparando...

Klabin em alta com acordo para explorar florestas no Paraná e reajuste da celulose

Lendo Agora
Klabin em alta com acordo para explorar florestas no Paraná e reajuste da celulose

Depois de anunciar que fechou acordos para associação com uma Timber Investment Management Organization (Timo) para explorar a atividade florestal no centro-sul do Paraná, e também com o aumento do preço da celulose para a China, as ações da Klabin (KLBN11) operam com importante valorização na tarde desta quarta-feira.

Por volta das 16h30, os papéis tinham ganhos de 4,03% a R$ 21,44.

A Klabin fará o aporte de cerca de 9 mil hectares de florestas plantadas, enquanto a Timo contribuirá com 11 mil hectares de florestas plantadas e 7 mil hectares de ativos em terras. A Klabin terá direito de preferência na compra da madeira produzida pela SPE.

“Essa associação permitirá à companhia acessar terras para o incremento de seu maciço florestal, visando o abastecimento de suas fábricas de papel e celulose na região, sem exigência de efetiva alocação de capital para a aquisição desses ativos, além de viabilizar a realização de futuros projetos de expansão”, afirmou a Klabin no comunicado.

Reajuste

A Klabin também informou que elevará os preços de celulose de fibra curta e longa para a China para os pedidos com entrega a partir de fevereiro. Os preços serão elevados em 20 dólares a tonelada.

A companhia trabalhava com expectativa de elevação de preços de celulose no início deste ano, depois de um período de vários meses em que os valores da commodity ficaram pressionados por estoques excessivos ao longo da cadeia.

Em novembro, a companhia tinha informado em reunião com investidores que espera que o mercado de celulose deve começar a se recuperar de maneira mais sólida no segundo trimestre deste ano.

Fonte: Money Times

Demuth Rodapé
Qual é a sua impressão?
Amei
0%
Curti
0%
Não Gostei
0%
Sobre o Autor
Celulose Online
Celulose Online

Deixe um Comentário