CompararComparando...

Novas diretrizes para o ensino em engenharia serão debatidas em evento realizado pelo ITA

Lendo Agora
Novas diretrizes para o ensino em engenharia serão debatidas em evento realizado pelo ITA

No fim de abril, as novas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs) do curso de graduação em Engenharia, foram fixadas e homologadas pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), órgão vinculado ao MEC. Foram dois anos de debates entre várias instituições, para definir o que era preciso mudar no currículo dos cursos, para tornar a graduação mais prática e interdisciplinar, além de atender às novas demandas tecnológicas. Diversos caminhos adotados pelas DCNs serão debatidos no Engineering Education for the Future – EEF 2019, grande evento que acontecerá no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), em São José dos Campos, interior de São Paulo, nos próximos dias 23, 24 e 25 de maio.

No Fórum, que acontecerá dentro do EEF, contará com a presença de palestrantes nacionais e internacionais, e ações de inovação no ensino aparecerão tanto em falas de profissionais como o Professor Doutor José Carlos de Souza Jr, Reitor do Centro Universitário Instituto Mauá de Tecnologia como no engenheiro francês Xavier Fouger, diretor da Dassault Systèmes, aproximando essas iniciativas inovadoras do ensino às inovações industriais.

Ainda preocupado em reunir todos os agentes dessa transformação, em um mesmo dia o EEF se inicia com uma palestra do estudante de engenharia Daniel Frageri, que apresentará o que inovar na educação em engenharia sob a perspectiva do corpo discente da escola e termina com o Prof. Dr. Amitava Mitra, New Engineering Education Transformation da Massachusetts Institute of Technology, o MIT, uma das principais referências quando se fala em inovações no ensino em engenharia.

“Penso que o EEF seria importante a qualquer momento como meio de reflexão. Mas neste momento, de fato ganha maior relevância, já que esperamos que seja um iniciador de atividades de reforma de Ensino consoantes com as novas DCNs. Em particular, o Fórum permitirá que conheçamos experiências e demandas em vários níveis, desde as expectativas do mercado, passando pela gestão educacional, metodologias de Ensino e ações institucionais de formação, acolhimento e capacitação. Um espectro diversificado que contempla integralmente o que é definido nas novas diretrizes como fundamentos da formação do novo engenheiro. Temos, portanto, uma expectativa muito alta, e que imagino ser a mesma das outras instituições que participarão do evento”, diz o professor Carlos Henrique Costa Ribeiro, Vice-Reitor do ITA e Chairman do EEF.

Alguns projetos de pesquisa e ensino do ITA, que seguem o mesmo caminho das novas DCNs estarão na Mostra Tecnológica do EEF 2019. “A Mostra terá um espectro muito amplo, englobando todos os aspectos das novas diretrizes. Teremos estandes sobre metodologias ativas, inovação, iniciativas dos alunos, orientação educacional, pesquisa aplicada em várias áreas e trabalhos do ITA com outros institutos. De modo complementar ao Fórum, a Mostra, e também as competições previstas (Grand Prix, Competição em Ciência de Dados e Competição 3D) ilustrarão como muitos dos aspectos discutidos são traduzidos em ações efetivas de modernização, em uma sinergia virtuosa. E, como no caso do Fórum, também temos a expectativa de que estas ações ganhem ainda mais força ou se multipliquem em outras”, completa o Vice-Reitor.

Local:  Instituto Tecnológico de Aeronáutica – ITA (Novo Prédio de Ciências Fundamentais)

Praça Marechal Eduardo Gomes, nº 50 – Vila das Acácias

Data:  23,24 e 25 de maio

Fórum – Para debater os desafios nos processos de aprendizado de Engenharia, palestrantes do Brasil e do mundo apresentarão suas ideias em painéis, ciclos de debates e mesa-redonda. Por exemplo, o engenheiro Luis Carlos Affonso, VP. Corporate Strategy and Innovation da Embraer, vai falar sobre inovação na indústria e a necessidade de formação de engenheiros preparados para esse mercado. Xavier Fouger, Sênior Director Global Academy Programs at Dassault Systémes, mostrará sucessos e aprendizados na modernização do ensino de engenharia no mundo. Uma mesa-redonda mediada pelo Prof. Dr. Jefferson de Oliveira Gomes, do ITA, vai debater parcerias, financiamento e linhas de fomento voltadas para a inovação na educação de engenharia.

Também participarão dos debates a professora Dra. Isabel Hilliger, da Pontifícia Universidade Católica do Chile, para falar sobre elementos curriculares e pedagógicos para desenvolvimento de habilidades e competências; a professora Dra. Isabel Gonçalves, do Instituto Superior Técnico de Lisboa, que vai debater a Tutoria na Educação de Engenharia e o estudante do ITA Daniel Martins Frageri, que vai apresentar sugestões de inovações educacionais em engenharia sob a perspectiva dos próprios alunos do ITA. No encerramento do EEF 2019, teremos a palestra do Prof. Dr. Amitava Mitra, diretor executivo New Engineering Educational Transformation do MiT.

Competições – Acreditando na importância fundamental de competições como um processo de modernização do aprendizado, o EEF 2019 vai promover um Grand Prix, onde equipes formadas por alunos inscritos pelo site do evento serão desafiadas a apresentar resultados materiais em um prazo de 40 horas. Essa é uma maneira de explorar algumas competências comportamentais esperadas pelo mercado desses novos profissionais: a habilidade de trabalhar em equipe, dividir responsabilidades, assumir lideranças, planejar e definir estratégias para atingir o objetivo, sob a pressão do prazo. A equipe vencedora receberá uma premiação a ser definida pela organização do EEF. Todos os inscritos receberão certificados de participação.

Já a Competição 3D vai aproximar os alunos da Indústria 4.0. Será utilizada a plataforma 3D Experience da Dassault Systems, que integra processos de negócios e de desenvolvimento de produtos em um ambiente totalmente digital.

Data Science Challenge, competição voltada a alunos de graduação e pós-graduação do ITA e UNIFESP vai buscar soluções para um problema de predição com o uso de dados reais, através da exploração do conhecimento em Ciência de Dados e Aprendizado de Máquina, com o uso da plataforma online Kaggle.

Mostra – A exposição temática vai proporcionar um passeio pela evolução e materialização de projetos em desenvolvimento pelo ITA e Institutos do DCTA, com apresentação dos alunos, professores e pesquisadores. Norteada pelos conceitos de conectividade e interação, a Mostra Tecnológica quer encontrar intersecções entre grupos diferentes de pesquisas, capazes de expandir e provocar transformações nos processos de aprendizado.

Demuth Rodapé
Qual é a sua impressão?
Amei
0%
Curti
0%
Não Gostei
0%
Sobre o Autor
Celulose Online
Celulose Online

Deixe um Comentário