CompararComparando...

O seu café está prejudicando a floresta?

Lendo Agora
O seu café está prejudicando a floresta?

Os riscos pelas perdas de florestas são enormes para o planeta, mas você sabia que a extração ilegal de madeira é apenas uma parte do problema? Existem práticas legais, juntamente com métodos agrícolas modernos, que também precisam ser abordados. O Diretor Geral do FSC, Kim Carstensen, dá uma nova perspectiva sobre o desmatamento global.

26/03/2016 – Os compromissos assumidos na COP 21 não foram perfeitos, mas eu fiquei muito feliz em ver o consenso de que as florestas são importantes para mitigar as mudanças climáticas. Deveria ser do conhecimento de todos que quanto mais florestas nós perdemos, pior será para o planeta. De acordo com as últimas pesquisas, o desmatamento é responsável por cerca de 8% das emissões globais, e se você adicionar o efeito da floresta que está sendo degradada do seu estado natural, os efeitos globais são devastadores.

café floresta fsc

Mas o que talvez seja mais desconhecido ainda é que o problema do desmatamento não é apenas as atividades ilegais. Nossos hábitos diários podem estar agravando o problema.

O problema do “desmatamento legal”

Para compreender as realidades do desmatamento, é importante entender exatamente o que o termo significa. Muitas vezes ouço o desmatamento ser descrito como o corte de árvores. Você corta uma árvore e a floresta acaba. Este pode muito bem ser o caso e vemos muitos exemplos disso no mundo todo, mas há muitas maneiras de cortar árvores sem destruir a floresta.

O verdadeiro problema não é cortar árvores. Ele vem por não haver garantia de que a floresta é responsavelmente manejada, antes e após o corte. O foco do FSC é garantir que as florestas certificadas FSC sejam bem manejadas. Dessa forma, elas não contribuem para as emissões do desmatamento.

Muitas vezes as árvores são extraídas e não substituídas por novas árvores, seja para se tornar terra degradada, eventualmente entregue para criação de gado, ou para ser substituída por culturas de rápido crescimento, como café ou soja. É aí que o impacto do desmatamento é sentido.

Você pode pensar que o desmatamento deve ser ilegal, mas em muitos casos, essas atividades são perfeitamente legais. Vemos esses exemplos de “desmatamento legal” em muitos países ao redor do mundo. Infelizmente, é uma grande tendência a nível mundial, sem dúvida, devido ao aumento da demanda por produtos como óleo de palma, carne e café. No Brasil, por exemplo, o desmatamento legal aumentou 16% desde 2014.

Sem controle, este será um golpe devastador para os objetivos de emissões de carbono do mundo. É por isso que é importante que os países permaneçam fiéis aos compromissos assumidos em Paris: reduzir as emissões por desmatamento e a degradação florestal é de vital importância.

Nós todos sabemos que a manutenção de florestas (ou restaurá-las) com o plantio de árvores ou, permitindo que elas voltem a crescer naturalmente é uma maneira muito eficiente de armazenar carbono. Ao continuar a destruir as florestas, nós liberamos mais gases prejudiciais na atmosfera.

Isso não significa florestas e agricultura não podem coexistir

É claro que o mundo precisa da agricultura e a crescente população mundial vai precisar de mais alimento. Algumas dessas culturas terão que ocupar áreas em que também poderia haver florestas. Felizmente, é completamente possível aumentar a área disponível para ambas. Nos trópicos, isso requer uma mistura de restauração florestal e o estabelecimento de plantações em áreas de terras degradadas. Nós apenas precisamos chegar a um acordo sobre a abordagem.

Por exemplo, um novo acordo pela Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura se comprometeu a restaurar 12 milhões de hectares de floresta até 2030, que será utilizado tanto para a proteção de árvores nativas e também agricultura sustentável. Esses tipos de empreendimentos ajudam a criar sistemas florestais e agrícolas ecológicos que serão de benefício para o mundo inteiro.

Esperamos ver este modelo se tornar mais comum em todo o mundo nos próximos anos, porque precisamos encontrar e tornar úteis as terras já destruídas, ao invés de destruir ainda mais. Isso depende de uma maior consciência do bom manejo florestal, e uma escolha consciente por parte dos consumidores ao escolher produtos com o selo FSC, que prova que eles vêm de florestas bem manejadas.

Fonte: FSC Internacional

Bracell Centro noticia
Qual é a sua impressão?
Amei
0%
Curti
100%
Não Gostei
0%
Sobre o Autor
Celulose Online
Celulose Online

Deixe um Comentário