CompararComparando...

Ministra Tereza aposta no potencial econômico de Ribas do Rio Pardo na pecuária e a nova indústria de celulose

Lendo Agora
Ministra Tereza aposta no potencial econômico de Ribas do Rio Pardo na pecuária e a nova indústria de celulose

O anúncio da instalação da Indústria de Celulose da Suzano em, Ribas do Rio Pardo é uma das melhores noticias em 2020 e conta com apoio da ministra da Agricultura, Tereza Cristina da Costa.  Ela reconhece crescimento do potencial econômico de Ribas e destaca ao prefeito Paulo Tucura que a implantação de de uma grande indústria não acontece do dia para a noite.

“Quero dizer a população de Ribas que estas coisas não acontecem do dia para a noite. Mas eu sei do empenho do prefeito Paulo Tucura e você sabe que pode contar com a Tereza ministra da Agricultura e que trabalha em prol destes projetos que vem se desenvolvendo em Ribas”, enfatizou durante entrevista divulgada pela Rádio Web MS no programa Giro Estadual de Notícias desta terça-feira (17).

“Nós temos um município que tem o terceiro maior rebanho bovino de MS, que hoje usa tecnologia que é tudo que o Brasil precisa. Faz uma pecuária sustentável para que a gente possa exporta. Então isso em breve vai render frutos. Não tenha dúvida disso. O trabalho é fundamental e em breve eu tenho certeza que chegarão indústrias para processar estes animais”, salientou avaliando o potencial da pecuária do município.

Com relação a instalação de uma fábrica de celulose no município, a ministra Tereza Cristina acredita numa nova realidade econômica para Ribas dói Rio Pardo. “Hoje a Suzano comprou este maciço florestal e eu tenho certeza que trabalha para concretizar este projeto. Mas é um projeto deste tamanho não acontece do dia para a noite”, destaca.

Ela lembrou quando foi secretária de Agricultura no Estado de Agricultura  e o tempo que demora a instalação de um empreendimento deste porte. “Eu sei  tempo que leva para um projeto maturar. As vezes você planta hoje mas não sou eu que vou colher. Hoje eu vejo que MS colhe frutos de um trabalho que fizemos lá atrás. Mas a gente tem que acreditar e perseguir prefeito, então eu quero lhe parabenizar e conte comigo e com o Democratas de Ribas do Rio Pardo. Que a gente possa trabalhar em prol do desenvolvimento deste município”, finalizou.

O secretário de Estado e Produção, Jaime Verruck destaca o avanço no projeto.  De acordo com ele, a empresa não depende de licenciamento ambiental e que a indústria deve passar pelo processo de instalação em Ribas.

“Um anúncio como este impacta o mercado mundial de celulose. MS foi escolhido e referenciado por propiciar ambiente de negócio . A empresa compra projeto licenciado e pode imediatamente iniciar a instalação”, frisou destacando entanto que o projeto está em estudos. “Existem desafios como a qualificação de mão de obra, logística. Por exemplo sabemos que para a fábrica de instalar é  fundamental a ativação da rede ferroviária. Iniciamos estudos já para o fornecimento de gás, precisamos levar um ramal de 43 km até o local. Hoje começamos a discutir estradas ferrovias e gás para quem empresa possa vir o mais rápido para MS”, concluiu.

Fonte: A Crítica

albany 728
Qual é a sua impressão?
Amei
100%
Curti
0%
Não Gostei
0%
Sobre o Autor
Celulose Online
Celulose Online

Deixe um Comentário