CompararComparando...

Pöyry participa de projeto da Portocel que instalou o primeiro spreader automático de alta capacidade para movimentação de celulose

Lendo Agora
Pöyry participa de projeto da Portocel que instalou o primeiro spreader automático de alta capacidade para movimentação de celulose

Consultoria atuou desde a fase conceitual do projeto, incluindo licenciamento ambiental, engenharia conceitual e engenharia básica do terminal

A Portocel começou a operar o primeiro spreader automático de alta capacidade para carregamento de celulose em seu terminal portuário em Porto de Barra do Riacho (ES). A tecnologia trouxe o estado da arte no embarque de celulose à operação do terminal, que também é primeiro do País especializado na movimentação de produtos florestais. A tecnologia inovadora foi implantada em projeto com a participação da Pöyry, multinacional europeia de consultoria e serviços de engenharia, em conjunto com a Fort Mar e Saur. A Pöyry atuou desde a fase conceitual do desenvolvimento do projeto, que foi pautado nos pilares de segurança, produtividade e inovação.

“A Pöyry, Forte Mar e Saur uniram-se a nós para colocar em prática uma ideia inovadora. Esse é mais um importante passo em nossa jornada para desbravar novos horizontes, expandir nossos serviços, aumentar o nosso alcance e explorar oportunidades, e que resulta de um grande trabalho de estudo, planejamento e desenvolvimento de soluções de engenharia inovadores e sustentáveis”, afirma Alexandre Billot Mori, gerente executivo de Operações Portuárias da Portocel.

Crédito: Portocel

“Estamos muito satisfeitos por termos concluído com sucesso e atuado nas diversas etapas deste projeto, que é o único terminal portuário brasileiro especializado na movimentação de produtos florestais, um dos mais eficientes do mundo e referência na movimentação de celulose. Nele, aportamos nossa expertise em projetos complexos de engenharia associada à inovação e sustentabilidade”, afirma Fábio Bellotti da Fonseca, presidente da Pöyry na América Latina.

O presidente da Pöyry na América Latina destaca ainda que “a entrada em atividade do novo spreader automático traz uma contribuição importante para assegurar uma operação ainda mais eficiente, rápida, segura, que reduz o custo operacional do terminal e incorpora as melhores práticas de sustentabilidade.”

O terminal da Portocel é fruto de uma parceria entre a Suzano e a Cenibra, duas das maiores produtoras de celulose branqueada de fibra curta. Localizado em Aracruz, município a 70 km ao norte de Vitória (ES), possui uma estrutura capaz de movimentar 7,5 milhões de toneladas anuais de celulose, o que corresponde a cerca de 60% da celulose exportada pelo Brasil. Opera ainda outros produtos de carga geral integrados na logística regional.

albany 728
Qual é a sua impressão?
Amei
0%
Curti
0%
Não Gostei
0%
Sobre o Autor
Celulose Online
Celulose Online

Deixe um Comentário