CompararComparando...

Técnicos agrícolas pedem ampliação dos valores de projetos de crédito rural que podem aprovar

Lendo Agora
Técnicos agrícolas pedem ampliação dos valores de projetos de crédito rural que podem aprovar

Técnicos agrícolas estaduais se reuniram com o secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Fernando Schwanke, e pediram que sejam ampliados os valores máximos permitidos nos projetos de crédito rural assinados por eles. De acordo com os técnicos, há 16 anos o teto para os projetos que podem aprovar é de R$ 150 mil. Alegam que a falta de reajuste está limitando o exercício da função, causando prejuízos tanto aos profissionais quanto aos interessados nos projetos.

Estiveram com Schwanke representantes da Federação dos Técnicos Agrícolas do Brasil (Finta-BR), da Associação dos Técnicos Agrícolas do Brasil (Atabrasil) e de sindicatos. Para que ocorra a atualização dos valores. Eles solicitaram a revisão do Decreto Federal número 4.560, de 30 de dezembro de 2002, que dispõe sobre o exercício da profissão de técnico industrial e técnico agrícola de nível médio ou de 2º grau.

Na reunião, os técnicos agrícolas também pediram apoio da Secretaria de Agricultura Familiar e Cooperativismo e do Ministério da Agricultura para que seja realizada a eleição do Conselho Federal dos Técnicos Agrícolas, com base no Decreto nº 9.461, de 8 de agosto de 2018, que regulamenta o processo para eleição da primeira diretoria do Conselho Federal dos Técnicos Agrícolas e de seus respectivos conselhos regionais.

Fernando Schwanke destacou a importância do trabalho realizado pelos profissionais de assistência técnica para potencializar os resultados do agricultor familiar e garantiu dar encaminhamento às demandas apresentadas. Participaram da reunião o presidente da Finta-BR, Antônio Jerônimo Filho, o presidente da Atabrasil, Ely Avelino, o presidente do Sintamig, Jovelino Carvalho, o presidente do Finta-PE, Bernardes Neto, o presidente do Sintarn, Ivanilson Pereira, o presidente da Sintae, Iosmar Luiz Mansks, o gerente regional da Emater-MG, Vitório Alves Freitas, o diretor da Atabrasil-GO, Valdivino Leite, o diretor da Atabrasil-BA, Luís da Silva, o diretor da Sintag-PB, Gustavo Barbosa, e a assessora Luciana Ribeiro.

Dynamox Centro
Qual é a sua impressão?
Amei
0%
Curti
0%
Não Gostei
0%
Sobre o Autor
Celulose Online
Celulose Online
Comentários
Deixe um Comentário

Deixe um Comentário