CompararComparando...

Você sabe por que a Klabin está trabalhando tanto? Para gerar um tipo de papel que é…

Lendo Agora
Você sabe por que a Klabin está trabalhando tanto? Para gerar um tipo de papel que é…

A revista Canavieira, do setor de cana-de-açúcar, publicou uma notícia muito interessante que cita um tipo de papel e o etanol.

Os autores argumentam sobre o pensamento popular de que ambos vão acabar – o que é mentira.

E para provar isso, citam a Klabin, maior produtora e exportadora de papeis do Brasil.

A empresa também atua no setor de celulose, sendo a única do país a fornecer simultaneamente celulose de fibra curta (eucalipto) e de fibra longa (pinus).

O primeiro é usado para produzir papéis higiênicos, guardanapos e impressões.

O outro é para os mesmos papeis, porém, com qualidades superiores.

E, além disso, o pinus também produz Fluff.

Bom, vamos aos fatos: a Klabin foi citada porque tem uma estrutura que permite atuar em vários segmentos da indústria.

O principal deles é o de embalagens, onde ela se divide em papelão ondulado e sacos industriais.

No entanto, a verdadeira inovação é fazer do papel um substituto para o plástico, especialmente usando a celulose, que é totalmente biodegradável ao contrário do petróleo.

Papel biodegradável

Dizer papel biodegradável é quase como chover no molhado porque o papel já é biodegradável por si só.

Mas, aqui vale a premissa de que a empresa está dando um grande passo para mostrar a importância do seu setor de pesquisa no desenvolvimento de projetos em nanotecnologia.

O objetivo é criar uma fórmula onde a celulose seja a substituta número 1 do polietileno (plástico).

Para que a Klabin está trabalhando então?

Para criar um tipo de papel cada vez mais resistente e capaz de entrar no mercado dos descartáveis como solução ecológica.

Isso vai acontecer ainda que a empresa tenha o foco nas embalagens.

E se você tem dúvidas de que isso vai dar certo, basta ver os números mais recentes da empresa.

Além de que a Klabin é reconhecida por ser uma das empresas mais sustentáveis do país.

Com informações do Canavieiros

Demuth Rodapé
Qual é a sua impressão?
Amei
86%
Curti
14%
Não Gostei
0%
Sobre o Autor
Celulose Online
Celulose Online

Deixe um Comentário